O QUE É ISO 19011 ?

ISO 19011 e os Princípios de Auditoria

A ISO 19011 é uma norma criada para fornecer orientações para a realização de auditorias dos sistemas de gestão, descrevendo também:

  • 6 princípios de auditoria;
  • Gestão do programa e realização de auditorias;
  • Avaliação dos envolvidos no processo de auditoria e equipe de auditores;
  • Contribuição na melhoria contínua do sistema de gestão da qualidade da empresa.

A norma está estruturada da seguinte forma:

  1. Escopo
  2. Referências Normativas
  3. Termos e Definições
  4. Princípios de Auditoria
  5. Gerenciando um Programa de Auditoria
  6. Executando uma Auditoria
  7. Competência e Avaliação de Auditores

 

principios de auditoria

Conheça um pouco sobre cada um dos seis princípios de auditoria:

Integridade

Este item aborda as questões de idoneidade da equipe de auditores, bem como as características competentes de cada um (honestidade, responsabilidade, dedicação), executando as auditorias de forma correta, mantendo a imparcialidade e sem desigualdades, observando inclusive possíveis influência por parte dos auditados.

Apresentação justa

Trata da importância de apresentar as conclusões das auditorias de forma verdadeiras e objetivas, levando em consideração também a necessidade de registrar possíveis problemas de divergência de opiniões no momento da auditoria. Outra questão é sobre a comunicação do auditor, que deve ser clara e objetiva.

Devido cuidado profissional

Refere-se a agilidade em que o auditor deve aplicar a auditoria e a responsabilidade envolvida em fazer os seus julgamentos. Deve-se trabalhar com diplomacia durante as auditorias, agindo de forma cautelosa para obter a confiança dos clientes e demais partes interessadas.

Confidencialidade

Menciona sobre a importância da discrição que os auditores devem ter para proteger as informações obtidas das atividades executadas e também da preservação para que estas não sejam usadas de forma inapropriada e/ou para ganhos pessoais tanto para o auditor quanto para o auditado.

Independência

Fala sobre a imparcialidade e objetividade perante as conclusões da auditoria, de forma que possam realizar as atividades de forma livre e não tendenciosa.

Para isso é fundamental que os auditores mantenham objetividade durante todo o processo e que, em caso de auditoria interna, não realizem as auditorias nos mesmos locais de suas funções, para garantir que as conclusões sejam baseadas somente nas evidências identificadas.

Abordagem baseada em evidência

Para se alcançar um processo de auditoria sistematizado, de forma que todas as auditorias sejam confiáveis e com reprodutibilidade, é essencial que seja baseado em um método planejado e racional.

As evidências devem ser possíveis de serem verificadas, geralmente baseadas nas informações disponíveis no momento da auditoria, e a amostragem de análise deve ser coerente com a auditoria, a fim de garantir a confiabilidade das conclusões obtidas.

A ISO 19011 estabelece as diretrizes para execução das auditorias, bem como os princípios relacionados com a parte comportamental da equipe envolvida.

É de fundamental importância que todos os auditores tenham conhecimento do que ISO 19011 e os seus seis princípios de auditoria, para que possam executar e obter resultados semelhantes nas auditorias, mesmo trabalhando independentemente.

 

Fonte:
8idea.com.br/blog/o-que-e-iso-19011-e-os-seus-6-principios-de-auditoria/
fatosedados.com.br/artigos/gestao-de-auditorias-com-base-na-iso-19011/

princípios de auditoria